Skip to content

Tratamento Fitossanitário


Tratamento Fitossanitário é um procedimento realizado para o controle de pragas, utilizando defensivos e outros métodos a fim de evitar a proliferação. Por determinação Internacional, deve ser obrigatoriamente realizado na importação e na exportação de uma carga.

A ARATÚ AMBIENTAL pratica os seguintes tratamentos:

  • Fumigação com Brometo de Metila, Fosfina e Permanganato de Potássio + Formalina em containers, silos, navios, carretas, grãos, café, algodão, penas e outros:
  • Brometo de Metila (Bromex): tempo de ação de 16 a 24 horas; Fosfina (Fosfeto de Alumínio): tempo de ação de 72 a 120 horas, conforme exigência do país de destino. Serviço de fumigação em containers e cargas soltas realizado através de unidades móveis em terminais marítimos, aéreos, ferroviários, rodovias e plantas de indústrias. Procedimento realizado por engenheiros agrônomos e técnicos aplicadores, atendendo instrução normativa para o mercado de exportação e importação.

  • Tratamento Térmico HT – Câmara Fixa e Móvel para tratamento em embalagens de madeira:
  • Toda madeira utilizada na confecção de embalagens para mercadorias no trânsito internacional necessita de tratamento fitossanitário, conforme exigências da Norma Internacional de Medidas Fitossanitárias (NIMF-15).  O tratamento HT,  além do objetivo de atender a legislação internacional (International Standards Phytosanitary Measures – NIMF-15) DA FAO (Food and Agriculture Organization of the United Nations), e as Instruções Normativas do Ministério da Agricultura IN 36 (10/11/06), IN 66 (27/11/06) e IN 04 (06/01/04), é utilizado quando há uma preocupação maior com o meio ambiente, pois é um serviço que não produz resíduos tóxicos e não há descarte de material.